Gifs animados

Orientações Nutricionais e Dicas para Perda de Peso:

- Consumir diariamente todos os tipos de nutrientes. São eles: Os Carboidratos (dentre esses as fibras), as Proteínas, as Gorduras, as Vitaminas e os Sais Minerais e claro, a Água.

- Comer devagar e mastigar bem os alimentos, para melhorar a digestão dos mesmos e para que você sinta saciedade (fique satisfeito); Lembre-se: seu estômago não tem dentes!

- Fazer as refeições em locais tranqüilos e não descontar seus problemas na comida. Procure relaxar e deixar de lado as preocupações no momento em que for se alimentar.

- Não realizar suas refeições em frente à televisão ou enquanto faz outras atividades, pois, você irá se distrair e sem perceber, comerá muito além do que deveria comer. Ex: comer pipoca vendo jogo de futebol!

- Não ficar muito tempo sem se alimentar: Comer de 3 em 3 horas. (5 a 6 refeições ao dia). Isso evita que você fique com muita fome e acabe comendo demais na refeição seguinte. Não “beliscar” entre as refeições (balas, cafés, biscoitos...).

- Ingerir mais carboidratos (açúcares) complexos (pães e arroz integrais, aveia, gérmen de trigo...) do que os simples (doces; pão francês; arroz branco; macarrão, batata, mandioca...).

- Alimentos ricos em fibras como frutas, legumes e verduras são essenciais.  As fibras são  importantes para o bom funcionamento do intestino. Também ajudam a baixar o colesterol e a diminuir a quantidade de açúcar e gorduras no sangue.

- No almoço e jantar, começar a refeição comendo saladas. Assim, seu apetite vai diminuir (a salada tem muita fibra e aumenta a sensação de saciedade) e você comerá os demais alimentos em menor quantidade.

- Dar preferência a óleos vegetais (de girassol, canola, azeite de oliva) e sempre em pequena quantidade. Evite a banha (é rica em gordura saturada, que em excesso faz mal ao coração) Observação: O azeite deve ser usado a frio, por exemplo, no tempero de saladas. Não aquecer o azeite, pois, quando aquecido, perde suas propriedades benéficas. Use margarinas ao invés de manteiga (dê preferência às do tipo light, pois, tem menos gordura). As castanhas e a linhaça têm gordura boa, mas não exagere (são calóricas)!

- Diminuir o consumo de sal de cozinha e evitar consumir alimentos industrializados (salsicha, salame, queijos defumados, azeitonas...). Não leve o saleiro pra mesa e evite temperos como sazon e caldos de carnes.

- Evitar alimentos doces e gordurosos: Substituir o açúcar por adoçante e o leite integral por leite desnatado; preferir carnes mais magras (como peixe, peito de frango, carne vermelha com pouca gordura. Retire a gordura aparente das carnes, antes de cozinhá-las).  Se der vontade de comer bolachas e bolos, prefira os que não possuem recheios e coberturas.

- Evite ingerir bebidas alcoólicas, pois, são calorias vazias, ou seja, não têm nutrientes que o organismo precisa, só calorias (pode engordar). O álcool tem muitas calorias (cada grama de álcool fornece 7 Kcal).

- Ao invés de refrigerantes, beber água ou suco da própria fruta sem açúcar. Cuidado: Em caso de suco industrializado evite o em pó (muito artificial e sem nutriente), prefira os líquidos, com polpa de fruta e sem açúcar. Refri tem muita química e muito sódio (principalmente o diet, por causa da composição dos adoçantes). 

- Ingerir bastante líquidos ao dia. Eles são essenciais ao organismo, mas deve-se tomar menor quantidade, durante e logo após as principais refeições (ex: o almoço ou jantar), para não sentir-se exageradamente cheio e para que a digestão não fique lenta. Excesso de água pode fazer mal.   

- Só devemos comer na hora certa. Ou seja, não comer só porque alguém está comendo, como por exemplo, ao servir visitas. Se comer nos horários planejados você regula a fome e sentirá vontade de comer só nesses horários. Ao sentir fome fora de hora, beba água primeiro. Espere um tempo (cerca de 10 a 20 minutos), pois, pode ser sede e não fome o que você está sentindo (o cérebro pode confundir fome e sede). Só coma se a fome voltar.

- Quando for ao supermercado passe longe do corredor das tentações (chocolates, doces, salgadinhos...). O ideal é fazer uma lista de alimentos mais saudáveis e não comprar outros produtos. Ao ir às compras, você não deve estar com fome. Coma antes de sair: Isso evita que você "ataque" alimentos muito calóricos. 

- Praticar exercícios físicos regularmente, com orientação de um bom profissional de educação física e após consultar seu médico. A atividade física ajuda no emagrecimento, reduz o colesterol e aumenta o HDL (colesterol bom), além de diminuir a resistência à insulina, evitando o surgimento de Diabetes. O exercício inibe a fome, principalmente os aeróbicos, como bicicleta ergométrica, corrida, caminhada; diminui ainda a ansiedade e o estresse (esses dois fazem com que a pessoa coma sem necessidade, ingerindo alimentos só para tentar melhorar o que está sentindo). 

- Enfim, lembre-se: Você não pode desistir no meio do caminho e precisa entender que você pode perder algumas batalhas, mas, com força de vontade e determinação, conseguirá ganhar a guerra, alcançando seus objetivos.